thumbnail Olá,

Em reunião nesta segunda-feira, presidente da CBF e presidentes dos clubes tomaram a decisão

Os clássicos locais, realizados nas últimas rodadas do Brasileirão para apimentar o campeonato, vão deixar de existir. A medida foi tomada nesta segunda-feira, em reunião entre o presidente da CBF, José Maria Marin, e os presidentes dos clubes, conforme informações do jornal Lance.

 O presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, um dos que votaram a favor da medida, afirma: "A questão foi votada e foi decidido que não vai ter mais clássicos ao mesmo tempo. Acho que essa não é uma questão importante. Tem algumas cidades, São Paulo e Rio, por exemplo, que não têm condições de ter dois jogos ao mesmo tempo, especialmente para que haja policiamento adequado".

Em 2012  a polícia militar das duas capitais teve que solicitar o desmembramento da rodada, fazendo com que alguns jogos fossem disputados no sábado.

Relacionados