thumbnail Olá,

Técnico foi expulso depois de invadir o gramado para conter confusão entre jogadores

O técnico Vanderlei Luxemburgo, do Grêmio, reclamou da arbitragem de Herber Roberto Lopes no Gre-Nal que terminou com empate em 0 a 0. Dentre muitas expulsões e confusão, o técnico acabou sendo expulso depois de ter invadido o campo para apartar uma confusão entre os jogadores das duas equipes.

"Futebol tem um livro de regras, mas falta bom senso. Eu fui tirar o meu jogador, tem 50 mil pessoas aqui para ver uma festa. Na regra eu tinha que ser expulso. Mas no bom senso, ele tinha que entender que tinha todo mundo, que podia dar confusão e tumulto, que envolvia 700 contra 50 mil. Como fica, onde iria parar? Tem que ter bom senso, não a regra", reclamou o treinador gremista.

Sobre o resultado, Luxa ressaltou certa frustração pelo empate:

"Fica frustração, pelo que aconteceu. Era um jogo para ter ganho. Tínhamos que ter ganho. A frustração foi com a maneira como eu saí", explicou.

Sobre sua expulsão, Luxemburgo afirmou ter sido seu pior dia no comando do Grêmio:

"Talvez tenha sido meu pior dia meu aqui. Porque você se envolve no clube, querendo o melhor, se empenha. Aí de repente vem um cara e te expulsa em um dia tão importante do clube que me paga. Hoje estou mal. Talvez seja o pior hoje aqui dentro. Falta às pessoas do futebol sensibilidade para estar no futebol. O futebol me machucou hoje. Fui tirado do trabalho por tentar ajudar alguém a conduzir uma situação que tinha todo o ingrediente emocional. Tanto é que não teve coragem de dar os 4 ou 5 minutos a mais", avaliou.

Relacionados