thumbnail Olá,

Presidente Giovanni Luigi fez o anúncio nesta segunda-feira

O Internacional não perdeu tempo para contornar a crise instaurada após a derrota para o Corinthians e as declarações fortes do técnico Fernandão. Nesta segunda-feira, o presidente Giovanni Luigi garantiu o treinador no comando da equipe até o término do Brasileirão, além de anunciar o novo afastamento do zagueiro Bolívar.

Após a partida de domingo, Fernandão chegou a dizer que o zagueiro Bolívar tinha se recusado a iniciar a partida no banco de reservas, escancarando os problemas no vestiário colorado. O mandatário, porém, deu uma versão diferente.

"O Fernandão convocou ele com a lesão do Juan. O Bolívar disse que tinha outro compromisso e não ficou. Informados disso, colocamos ele em separado do grupo", afirmou Luigi, que garante que a demissão do técnico jamais esteve em pauta.

"Ninguém tratou disso aqui, foi especulação da imprensa. O trabalho segue normalmente nesta terça."

O defensor treinará em separado do grupo e deve ser negociado antes do início da próxima temporada. Fernandão, da mesma forma, tem poucas chances de seguir em 2013: em 26 jogos, o ídolo obteve apenas 44% de aproveitamento à frente da equipe, sem conseguir o objetivo da classificação à próxima Copa Libertadores.

Informações do ESPN e ClicRBS.

Relacionados