thumbnail Olá,

"Não tenho o direito de falar pelo Marcos, mas ele foi um dos maiores ídolos do clube, passou por essa situação, não se desvalorizou"

O técnico Gilson Kleina não abandona o discurso de que vai brigar até o fim para evitar o rebaixamento e por isso, o já buscou o exemplo do ex-goleiro Marcos para avisar que é possível crescer mesmo disputando a segunda divisão nacional.

"Ninguém quer cair, ainda mais com o Palmeiras, que é uma marca muito forte no mundo. Não tenho o direito de falar pelo Marcos, mas ele foi um dos maiores ídolos do clube, passou por essa situação, não se desvalorizou e teve grandes conquistas. Claro que vamos lutar até o fim. A queda é dura e tem um sabor amargo, mas cabe depois se planejar para voltar", afirmou.

Kleina ainda defendeu a teoria de que o clube está realizando um trabalho correto para ser novamente competitivo, independentemente da divisão. "Por mais que a situação seja ruim, o Palmeiras está no caminho certo e vai voltar a ser forte, para brigar por título", completou.

Neste domingo, às 17hs, o Palmeiras enfrenta o Flamengo e depende de uma série de resultados para não ser rebaixado matematicamente. O time precisa torcer por derrotas de Bahia e Portuguesa e conseguir no mínimo um empate para seguir respirando. Caso seja derrotado, não há combinação que o salve.

Relacionados