thumbnail Olá,

O meia era suspeito de não executar as regras do exame antidoping

O meia Juninho Pernambucano não será problema para as próximas partidas do Vasco. O jogador foi absolvido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e não corre mais perigo de pegar uma suspensão que poderia chegar a dois anos.

O craque do Vasco  foi sorteado para fazer o exame antidoping após a partida entre Ponte Preta e Vasco, realizada no dia 23 de setembro. Ele foi informado de que deveria se dirigir direto à sala de coleta após o fim do jogo, mas isso não aconteceu. De acordo com a Coordenação Local de Controle de Dopagem da partida, o atleta foi para o vestiário primeiro.

No começo do julgamento, Juninho se defendeu. "Quando acabou o jogo fui informado que tinha sido sorteado. Disse então que iria pegar minha bolsa e iria em seguida. Muito difícil burlar um exame antidoping. Hoje me sinto decepcionado em vir aqui falar na frente de vocês sobre uma possibilidade de burlar o exame."

Mas, a equipe vascaína não saiu ilesa do julgamento, pois o clube foi multado em  R$ 3 mil, por causa do ocorrido. O Fluminense também teve a mesma punição, por uma situação igual com Ricardo Berna, que também foi absolvido.

Como se atualizar com as notícias do futebol mundial fora de casa? Com http://m.goal.com - sua melhor fonte de cobertura para celulares do futebol.

Relacionados