Cuca exalta 'fator Ronaldinho' no Atlético

Meia foi suspenso momentos antes da partida contra o Internacional, na quarta-feira
Brigando pelo título brasileiro, o Atlético Mineiro sentiu a suspensão de última hora imposta ao meia Ronaldinho pelo STJD, tornando-o indisponível para a partida diante do Internacional, em Porto Alegre. A equipe foi derrotada por 3 a 0 e acabou vendo não só o Fluminense aumentar a vantagem, como o Grêmio encostar na mesma pontuação (56).

Para o técnico Cuca, a importância do camisa 49 ao rendimento do Galo é bem evidente.

"[Fillipe] Soutto é novo, Bernard é novo, Marcos Rocha é novo, Guilherme é novo, Jô também. Ele é o experiente do time, faz falta. Tem um comando, uma maneira de joga que o time encaixou bem", afirmou.

"A bola parada dele é importante. Não temos outra. É a dele. É inquestionável a qualidade. Às vezes, ele também não joga bem. mas quando ele joga bem, o time vai bem."

O clube alvinegro preferiu não entrar com o efeito suspensivo para ter o jogador em campo no Beira-Rio, sob pena de perdê-lo para os demais jogos decisivos da reta final do Brasileiro.

"A gente não sabe o que ia acontecer no jogo, poderia vencer o jogo e ele ficar fora depois contra o Fluminense, Flamengo, em casa, o Ronaldo tem feito a diferença, tem jogado melhor que fora, temos de ser realista. Foi decidido com o jurídico, com o jogador, comissão técnica e diretoria. E outra, ninguém sabe se teria o efeito suspensivo, ficaríamos esperando até 7 horas da noite e poderia não sair", concluiu Cuca.

O Galo recebe o Sport no Independência no próximo domingo, a partir das 16h.

Informações do Superesportes.

Como se atualizar com as notícias do futebol mundial fora de casa? Com http://m.goal.com - sua melhor fonte de cobertura para celulares do futebol.