thumbnail Olá,

Os dois alvinegros se enfrentam no sábado, em São Januário

O momento é de transição, mas o Vasco sabe que não tem mais tempo a perder. Por isso mesmo, os jogadores estão cientes do impacto positivo que uma vitória sobre o Figueirense no sábado, às 18h30m, em São Januário, pode ter na sequência da equipe no Brasileirão.

O ala Thiago Feltri espera o adversário, vice-lanterna da competição, complicando a vida do Cruz-Maltino desde o início.

"Acho que eles devem vir fechados, jogando no nosso erro e no contra-ataque. Temos que ir no nosso ritmo e pressionar, nos movimentarmos muito e trazer a torcida para o nosso lado também, que é muito importante. Espero que a gente entre ligado, tendo o respeito pela equipe deles e coloque isso dentro de campo no sábado", afirmou, em declarações publicadas pelo Globoesporte.

Sem saber prever a postura dos catarinenses no final de semana, o goleiro Fernando Prass acha que a equipe precisa estar preparada para todas as possibilidades.

"É difícil dizer, acho que tem os dois fatores. Eles não podem se lançar ao ataque por estarem fora de casa e correrem o risco de saírem atrás do placar. Não podem levar gols. Mas é difícil ficar esperando, porque o empate não é mais bom resultado. Estamos atentos às duas opções e vamos tentar colher o maior número de informações possível."

Já para o atacante Tenorio, a alternativa é fazer um gol logo de cara e encaminhar os três pontos.

"O Figueirense está em uma zona complicada, mas jogamos em casa e precisamos aproveitar o máximo a nossa força. Vamos tentar matar o jogo desde o começo, esse é o caminho", pondera o equatoriano.

O Vasco é o quarto colocado no Brasileirão, com 44 pontos.

Como se atualizar com as notícias do futebol mundial fora de casa? Com http://m.goal.com - sua melhor fonte de cobertura para celulares do futebol.
   

Relacionados