thumbnail Olá,

Momento do clube mineiro não é bom e time caiu de rendimento, nos últimos jogos

A dança dos tecnicos no Campeonato Brasileiro pode ganhar mais um participante. Tudo isso por causa do momento ruim no Cruzeiro. O presidente do clube, Gilvan de Pinho Tavares, afirmou que Celso Roth está pressionado e com resultados ruins, a saída dele é possível.

"Quando os resultados não vêm, temos que olhar. O presidente não vai renunciar, tenho contrato a cumprir. Mas alguma coisa precisa ser feita. A torcida, às vezes, nos obriga a fazer o que não queremos", comentou o presidente.

Além disso, o presidente comentou sobre a possível crise no Cruzeiro e falou da demissão de Luiz Felipe Scolari do Palmeiras. "Saída de treinador de uma equipe não coloca pressão sobre o nosso. O que coloca é mau resultado. O Felipão saiu por falta de resultados. E não existe crise interna. A torcida está insatisfeita, a diretoria, os conselheiros. A cobrança tem que existir. Não existe crise", concluiu Gilvan.

A próxima partida da equipe mineira acontecia dia 16, contra o Vasco, na Estádio Melão, em Varginha. Será o primeiro jogo, da série de seis, que o Cruzeiro vai mandar os jogos sem mando de campo, que foram suspensos.

As informações são do glovoesporte.com.br.

Como se atualizar com as notícias do futebol mundial fora de casa? Com http://m.goal.com - sua melhor fonte de cobertura para celulares do futebol.

Relacionados