thumbnail Olá,

Jogo polêmico na Vila Belmiro acabou sendo vencido, de virada, pelo Santos: 3 a 2

Depois de ter perdido de virada para o Santos por 3 a 2, na Vila Belmiro, e jogo váldo pelo Campeonato Brasileiro, o técnico Tite se dirigiu para a entrevista coletiva e não escondeu sua irritação com alguns momentos da partida. Os pricipais alvos foram a arbitragem e Neymar.

Sobre o juiz, que validou o segundo gol santista em lance que teve mais de um impedimento claro, o comandante falou:

- A arbitragem errou e de uma forma crassa. Lamento por eles, vão assistir vocês (televisão) e falar: “O que eu fiz?” Eu teria esse sentimento. Foram erros que tiraram um pouco do clássico.

- Vou dizer para o torcedor corintiano que todo o sentimento que ele tem eu tenho também - falou alto, chegando a assustador alguns presentes à sua volta.

O sentimento do treinador, segundo ele, era compartilhado pelos jogadores, que deixara o gramado extremamente revoltados com o ocorrido:

- Eles estão indignados, putos da cara. Mas disse: “Deixa que isso é com o técnico e com a direção. Vão fazer o que fizeram. Vão melhorar a bola aéra, a precisão.” Eles Fizeram um baita jogo e o Santos também fez

Neymar também foi criticado pelo técnico corintiano, que comentou sobre uma possível deslealdade do atacante:

- O Guilherme foi pisado por ele. Quantos jogos nós jogamos contra ele e que nível de lealdade teve o Corinthians? - indagou.

As encenações da Joia Santista não passaram despercebidas. Para Tite, Neymar "inventa" faltas, e em outras valoriza demais a jogada, fazendo acrobacias na hora da queda. O treinador corintiano vê o rival como um "mau exemplo":

- Quando jogamos aqui (no primeiro jogo da semifinal da Libertadores), o Emerson foi expulso por um carrinho imprudente. O Neymar caiu e depois já estava bom. Perder ou ganhar é do jogo, mas simular situaçãos e levar vantagem é mau exemplo para o garoto que está vendo, para o meu filho. Tem de dar um chega - encerrou.
   
   

Relacionados