thumbnail Olá,

Descontentes, torcedores do Bota protestaram pela saída de Fábio Ferreira. O meia Vítor Júnior e o gerente de futebol Anderson Barros também foram alvos dos protestos.

Na véspera do jogo contra o Atlético-MG, membros de uma torcida organizada do Botafogo foram ao Engenhão protestar antes da viagem do grupo para Belo Horizonte, quando o time enfrentará o Atlético-MG, no domingo, pelo Brasileirão. Os principais alvos do protesto foram o zagueiro Fábio Ferreira, o meia Vítor Júnior e o gerente de futebol Anderson Barros.

Os cartazes da manifestação traziam mensagens como: "Não queremos que amem, pois quem ama somos nós. Queremos vontade de vencer, entrega, suando sangue. Fora Fábio Ferreira, sem sangue". Outro cartaz protestava contra Vítor Júnior, com a frase: "Adoramos bebedeiras!", por conta de uma ação do condomínio do jogador que o acusava de ter promovido festas em sua casa.

O gerente Anderson Barros também foi criticado pelas alterações que fez no ataque do Botafogo durante o campeonato. O cartaz, direcionado ao dirigente, pedia: "Queremos títulos, não apenas vaga na Libertadores"

Atualmente, o Botafogo está na sexta colocação no Brasileirão, com 27 pontos. Já o Atlético-MG, líder da competição, tem 39 pontos. As informações são do Globoesporte.

Como se atualizar com as notícias do futebol mundial fora de casa? Com http://m.goal.com - sua melhor fonte de cobertura para celulares do futebol.

Relacionados