thumbnail Olá,

Vicente Candido comentou as últimas reviravoltas na legislação para o torneio

Item mais discutido na Lei Geral da Copa do Mundo, a liberação da venda de bebidas alcoólicas nos estádios não deve mesmo acontecer. O próprio relator do texto, o deputado federal Vicente Candido (PT), já admite a derrota na queda-de-braço ocorrida na Câmara de Deputados.

"Eu não consegui vencer. Perdi o debate, apesar de alguns registros em defesa do meu texto", disse, conforme publicado no portal G1.

O que ocorreu foi que o texto que será levado para votação pelo plenário não contém nada sobre a liberação ou proibição da venda de álcool, de modo que a situação atual (veto) seria mantida após sua aprovação. Com isso, a FIFA terá de negociar a liberação com cada um dos 12 estados que receberão jogos em 2014.

Para Cândido, a questão deveria ter sido discutida no âmbito federal.

"Eu acho que, ao devolver isso para os estados, o governo federal está abrindo mão daquilo que foi competência e compromisso do presidente Luiz Inácio Lula da Silva assinado junto à Fifa", concluiu.

Como se atualizar com as notícias do futebol mundial fora de casa? Com http://m.goal.com - sua melhor fonte de cobertura para celulares do futebol.

Relacionados