thumbnail Olá,

O clube denunciou uma intoxicação estomacal generalizada gerada pela janta oferecida no hotel

O Emelec, que está no Uruguai para enfrentar o Peñarol pela Copa Libertadores nesta terça-feira, informou que seis jogadores e membros da comissão técnica sofreram uma intoxicação estomacal generalizada. O problema teria sido causado pela janta oferecida na segunda-feira, no Hotel Sheraton.

"No futuro, quando o Peñarol viajar ao Equador, será bem recebido. Isso aqui é uma partida de futebol, situações assim devem ser erradicadas. Ferem o esporte", declarou Gustavo Quinteros, gerente desportivo do clube, em entrevista à rádio 1410 AM. Quinteros ainda afirmou que os torcedores rivais estouraram bombas e rojões próximos ao hotel durante a madrugada.

Em nota oficial, o Emelec descartou a hipótese da intoxicação de seis atletas ter sido algo casual. Peñarol e Emelec se enfrentam nesta terça-feira, em Montevidéu, às 19:15.

Confira o comunicado do Emelec:

O Club Sport Emelec lamenta o que aconteceu à sua delegação na cidade de Montevidéu diante dos ocorridos na noite de ontem, tanto a explosão de fogos pirotécnicos a altas horas da madrugada nas imediações do Hotel Sheraton como como a estranha coincidência da intoxicação de vários jogadores do elenco por ingestão de alimentos.

Recusamos que esses episódios sejam uma casualidade, e nossa equipe, pela grandeza que a caracteriza, sairá de campo com a intenção de vencer – não só o rival diante da torcida adversária, como também estas adversidades extradesportivas que fogem da essência do jogo limpo.

Relacionados