thumbnail Olá,

Consultoria divulga ranking com os 30 atletas mais 'caros' da Libertadores e dezenove deles atuam em clubes brasileiros

Nesta quarta-feira, foi divulgado um ranking dos jogadores mais valiosos na edição 2013 da Taça Libertadores da América. Os brasileiros são maioria absoluta, com 17 representantes entre os 30 nomes na lista, seguidos por argentinos (nove), chilenos e uruguaios (dois cada)

Para organizar o ranking, foram analisados fatores como idade, qualidade técnica, capacidade de definição, aspectos táticos, força e condicionamento físico, disciplina, espírito de equipe, nível dos campeonatos, entre outros.



Dos trinta, 19 jogadores atuam por clubes brasileiros, dentre eles os 12 primeiros colocados. O Corinthians tem os dois mais valiosos: Alexandre Pato, em primeiro, avaliado em RS57.7 milhões de euros, e Paulinho, em segundo, valendo R$43.4 milhões. Em terceiro lugar, o garoto Bernard, do Atlético-MG, avaliado em R$39.4 milhões. Os três primeiros equivalem, juntos, a 22% do valor total da lista.

O clube que mais tem jogadores no ranking é o São Paulo, com sete no total, seguido por Corinthians, com cinco, e Fluminense, com três. Entre os 10 primeiros, são três do Corinthians, três do Fluminense, dois do Grêmio, um do São Paulo e um do Galo.



O primeiro estrangeiro a aparecer é Eduardo Vargas (R$35.9 milhões), novo atacante do Grêmio, em quarto lugar. Em 13º surge o primeiro que atua fora do Brasil: Lisandro Lopez, zagueiro do Arsenal de Sarandí, da Argentina, avaliado em R$18 milhões.

A disparidade econômica entre o Brasil e os outros países na competição fica clara quando leva-se em consideração a distribuição do valor de mercado de todos os atletas entre os países. Tanto por nacionalidade, quanto pelo país onde os jogadores atuam, o Brasil aparece com uma diferença gritante para o restante. Concetrados no futebol brasileiro estão 172.6 milhões de euros do total, enquanto a Argentina, em segundo lugar, tem 41.3 milhões. O Uruguai, em terceiro, tem 11.4 milhões, seguido por Chile (5.4 milhões) e Equador (5.2 milhões).

Por clubes, o atual campeão aparece em primeiro, com jogadores avaliados em 59.5 milhões de euros. São Paulo (49.3 milhões), Fluminense (22.8 milhões), Grêmio (20.3 milhões) e Atlético-MG (14.5 milhões) completam o top 5. O primeiro estrangeiro surge na sexta posição, o Velez Sarsfield, da Argentina, com jogadores valendo 11.8 milhões de euros. Há não muito tempo o time mais poderoso das Américas, o Boca Juniors aparece apenas em sétimo, com 10.9 milhões. Já o Palmeiras, que tem apenas Barcos, avaliado em 6.2 milhões de euros, na lista dos mais valiosos, está em 10º.

Relacionados