thumbnail Olá,

Xeneizes não poderiam contar com quatro jogadores para a decisão, já que seus contratos estavam se encerrando

O Boca Juniors tomou todas as providências, e não deve ter problemas para escalar sua equipe diante do Corinthians, na próxima quarta-feira, no jogo de volta da final da Copa Libertadores. O clube conseguiu prorrogar o contrato de quatro jogadores, incluindo os titulares Schiavi e Roncaglia, por mais uma semana, dando-lhes condições legais de atuar em São Paulo.

De acordo com o ESPN Brasil, os atletas em questão, além do atacante Cvitanich e do goleiro Sosa, estavam com o contrato expirando no domingo, e não poderiam jogar na volta. Porém, o clube agiu rápido, enviou toda a documentação à Associação de Futebol Argentino (AFA) e não deve ter impedimentos para a partida.

Os jogadores todos possuíam contrato com o Boca, à exceção de Roncaglia: o defensor foi vendido para a Fiorentina e deveria se apresentar já na próxima semana. Porém, a Viola concordou em sua liberação para um último compromisso mediante o pagamento de um seguro contra lesões.

A equipe argentina chega a São Paulo na terça-feira, quando deve realizar um treino de reconhecimento do gramado no Pacaembu. O Timão retribuiu a gentileza dos xeneizes em Buenos Aires, quando pôde trabalhar na Bombonera, e liberou a arena para o adversário.

Como se atualizar com as notícias do futebol mundial fora de casa? Com http://m.goal.com - sua melhor fonte de cobertura para celulares do futebol.
          

Relacionados