thumbnail Olá,

"Como palmeirense, vou torcer para o Boca, da mesma forma que os corintianos vão torcer para o Coritiba", disse o ex-goleiro

O ex-goleiro e ídolo do Palmeiras, Marcos, afirmou que, apesar do empate do Corinthians em La Bombonera, ainda sim acredita que o Boca seja campeão da Libertadores.

"O Corinthians é merecedor de jogar a final da Libertadores, até pelos números que tem, pois está invicto e tomou poucos gols. Mas é óbvio que, como palmeirense, vou torcer para o Boca, da mesma forma que os corintianos vão torcer para o Coritiba contra o Palmeiras. O Corinthians está onde está porque merece, mas nossa esperança é a última que morre”, afirmou.

O palmeirense secou o Timão e confessou que vibrou com o gol do Boca.

“Gritei Boca, mas, quando o Corinthians empatou, os caras quase arrebentaram minha casa. (risos) Mas futebol é assim e sou bem tranquilo. Brinco quando a gente ganha, e os caras brincam comigo quando perco. Futebol é uma grande brincadeira e não é para dar tiro. Se o Corinthians for campeão, vou ter que aguentar, mas estou ali torcendo para quarta-feira dar tudo errado para eles”, disse o ex-jogador em um evento de lançamento do novo sócio-torcedor do Palmeiras.

Marcos fez questão de lembrar que apesar da torcida contra, tem amigos pelo clube rival.

"O Tite achou uma forma de o Corinthians jogar. Às vezes, os caras dizem que é retranca, mas ter uma zaga bem montada hoje em dia fez o Chelsea ser campeão da Europa. O Tite é um baita cara, assim como o auxiliar dele, o Cleber Xavier. Trabalhei também com o preparador físico, Fábio (Mahseredjian), que é muito bom profissional”, concluiu.

Como se atualizar com as notícias do futebol mundial fora de casa? Com http://m.goal.com - sua melhor fonte de cobertura para celulares do futebol.

Relacionados