thumbnail Olá,

Bósnio reconheceu a falta de equilíbrio do time e negou rumores de que vai sair da Roma

O meio-campista Miralem Pjanic, da Roma, disse que a saída do técnico Zdenek Zeman foi uma decisão correta.  

Para o bósnio, de 22 anos, o time, atualmente na oitava posição do Campeonato Italiano, não estava equilibrado e precisa melhorar.

“Algo tinha que mudar, pois não tínhamos equilíbrio. O que importa é o que é melhor para a Roma”, disse o jogador.

“Nosso sistema de ataque era nossa força, mas também nossa grande fraqueza. Precisamos trabalhar duro para subir na tabela.”

Pjanic aproveitou para negar os rumores de que deixaria a equipe da capital italiana. Barcelona e Bayern de Munique seriam os principais interessados no jogador.

“Tenho contrato e estou feliz na Roma, mesmo que as coisas não estejam indo bem. Qualquer clube que me quiser terá que falar com o clube primeiro”.

Relacionados