thumbnail Olá,

Cícero e Miralles voltaram a marcar pela equipe alvinegra

Muricy Ramalho continua com o mesmo problema da temporada passada. A enorme dependência do Santos por Neymar. Nesta quarta-feira, a equipe lutou para empatar em 2 a 2 com Linense e mostrou que ainda precisa melhorar sem o craque. Além do atacante, o alvinegro jogou também sem Arouca e Montillo.

Com o empate, o Santos continua líder do Paulistão com 14 pontos. O Linense é quarto com dois pontos a menos. Na próxima rodada, o Peixe encara o Paulista e o e o Linense enfrenta o XV de Piracicaba.

O jogo

A partida começou de forma surpreendente, já que o Linense partiu para cima e deu o maior sufoco no Santos. Aos 15 minutos, a equipe da casa poderia ter aberto o placar, mas Lenílson, ex-São Paulo, perdeu gol incrível.

Apesar de não jogar bem, e sentir falta de um meio-campo criativo, o Santos abriu o placar. Aos 19 minutos, Cícero recebeu na entrada da área, arriscou chute e fez o primeiro gol do jogo. O meia, que foi contrato no começo da temporada, passa por bom momento.

Mas o Linense não desistiu, continuou no ataque e fez a virada. Aos 38 minutos, Elias chutou de longe, contou com desvio na zaga, e a bola entrou no canto do goleiro Rafael, que demorou a reagir. Nove minutos depois, Leandro Brasília tabelou com Gilsinho, recebeu na cara do gol e tocou para o fundo das redes.

Após o intervalo, o Santos conseguiu um pênalti no começo da etapa final. O zagueiro Neto tentou pegar sobra na área e acabou derrubado por Fabão. Miralles cobrou com categoria e deixou tudo igual. A partida perdeu ritmo e poucas chances foram criadas. Final de jogo, dois gols para cada lado e empate.

Relacionados