thumbnail Olá,

Diego Armando Maradona rebateu as acusações sobre fraude ao fisco de que é alvo por parte da justiça italiana. "Eu não fujo ao fisco, nunca fugi. Joguei futebol", disse

Em entrevista transmitida pela Sky Sport 24, Diego Armando Maradona rebateu as acusações de fraude ao fisco de que é alvo por parte da justiça italiana. O argentino garantiu que não terá problemas em voltar a Itália, país onde atuou entre 1984 e 1991, pelo Napoli.

"Eu não fujo ao fisco, nunca fugi. Joguei futebol. É injusto que pessoas como Dr. Ferlaino (antigo presidente do Napoli) possam voltar e eu não. Não está certo. Quem diz que eu sou um fugitivo deve apresentar provas. Para Itália e para o mundo, digo que não tenho medo de voltar a Itália", afirmou.

O argentino foi condenado por um tribunal italiano a pagar 37,2 milhões de euros, 23 milhões só em juros, por fraude fiscal no período em que jogou no Napoli.

O advogado do argentino, Angelo Pisani, disse que a dívida tinha sido anulada devido a erros processuais, algo desmentido pela Agência Tributária Italiana.

Relacionados