thumbnail Olá,

Em entrevista publicada no site da Fifa, o ex-atacante Ronaldo fez uma análise sobre disputa da Bola de Ouro 2012

Em entrevista publicada no site da Fifa, o ex-atacante Ronaldo fez uma análise sobre disputa da Bola de Ouro 2012. Perguntado quais atletas formariam a equipe ideal de 2012, ele parou, pensou e lançou um ataque formado por Cristiano Ronaldo, Messi e Neymar.

"Vamos ver... Colocaria o Casillas, o Daniel Alves, Sergio Ramos, John Terry e.. na lateral-esquerda... Quem tem de lateral-esquerdo? Roberto Carlos? (risos) E o Marcelo, do Real Madrid. No meio-campo, Xavi, Iniesta e... Lampard. Depois, no ataque, Cristiano Ronaldo, Messi e... Neymar – disse o brasileiro, soltando os risos após lançar o aposentado Roberto Carlos na equipe.

Durante a entrevista, Ronaldo disse que acredita que ainda não é o momento mais adequado para Neymar receber a Bola de Ouro. Segundo o Fenômeno, isso só acontecerá quando ele estiver no futebol europeu.

"O Neymar é um grande talento brasileiro. Uma joia rara que nós temos. Algum tempo atrás eu disse que era necessário que ele viesse jogar na Europa para comprovar esse talento todo e mostrá-lo para o mundo. Mais cedo ou mais tarde isso vai acontecer: ele vai vir jogar na Europa e poderá entrar nessa disputa pela Bola de Ouro".

Para o craque o prêmio deve ficar entre Messi e Cristiano Ronaldo, embora seu voto pessoal seria destinado ao argentino, caso pudesse participar da disputa.

"Continua sempre na briga entre os dois: Messi e Cristiano Ronaldo, mesmo tendo o Iniesta e o Xavi como grandes protagonistas também; jogadores incríveis. No entanto, são jogadores mais de meio-campo, que talvez não despertem tanta paixão assim do público. Então, Messi seria o meu voto, porque, além de ser decisivo - marcando muitos gols e ganhando títulos - consegue ainda dar uma magia especial e diferente ao futebol. O Cristiano Ronaldo é um jogador muito objetivo, muito técnico e habilidoso, mas o Messi ainda consegue surpreender em muitas jogadas".

Já sobre o melhor treinador, o Real ganharia com José Mourinho, acredita Ronaldo, campeão mundial com a Seleção em 1994 e 2002.

"Ah, eu daria o melhor treinador... Eu daria ao Mourinho. Conheço bem o mundo do futebol, então, pela organização tática, de planejamento, de treinamentos... É um treinador em quem eu votaria, porque não é fácil você administrar 25 jogadores diariamente.

Ronaldo disse ainda que, na sua época, a disputa era acirrada. Segundo o brasileiro, que concentrou a disputa de sua geração com Zidane, havia mais nomes de peso nas duas últimas décadas.

"Na minha geração, posso dizer que a concorrência era muito maior do que hoje, sem desmerecer absolutamente o Messi e o Cristiano Ronaldo, que são os dois que vão estar aí brigando nos próximos anos como melhor do mundo. Mas, na minha época tinham Zidane, Rivaldo, que ganhou um ano, o Figo, eu, depois Ronaldinho Gaúcho... Foi uma geração em que a disputa para ser o melhor era muito grande. Naquela época, quem ganhasse seria com certeza merecedor. Eu e o Zidane dominamos esses anos, ganhando Bolas de Ouro em sequência, ele três e eu três. Foram anos espetaculares que nós vivemos e quem gosta de futebol aproveitou e desfrutou – concluiu o ex-jogador, de 36 anos".

Relacionados