thumbnail Olá,
Ao Vivo

Brasileirão Série A

  • 30 de junho de 2012
  • • 18:30
  • • São Januário, Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
  • Árbitro: Fabricio Neves Correa
  • • Público total: 11082
3
TF
2

Vasco joga mal, mas vence a Ponte Preta de virada por 3 a 2

Vasco joga mal, mas vence a Ponte Preta de virada por 3 a 2

Marcelo Sadio/vasco.com.br

Segundo tempo mais consistente foi o suficiente para os cruz-maltinos retomarem a liderança do Brasileiro

A atuação deixou a desejar, mas o resultado será comemorado pelos torcedores do Vasco. Depois de sair atrás com uma atuação ruim na primeira etapa, os cariocas viraram para cima da Ponte Preta e venceram por 3 a 2 no São Januário. Roger marcou os dois gols dos visitantes, com Alecsandro, Eder Luis e Diego Souza marcando os tentos cruz-maltinos.

O resultado leva o Vasco novamente à liderança do Brasileirão 2012 após sete rodadas, com 16 pontos, mas a tabela pode sofrer alterações em caso de vitória do Atlético-MG neste domingo sobre o Grêmio. A Ponte fica na 10ª colocação com 9 pontos, mas também pode cair dependendo dos resultados deste domingo.

A Macaca domina as ações na primeira etapa

A partida iniciou melhor para a Ponte Preta, que não encontrava resisência por parte dos donos da casa para chegar nas proximidades da área. Já aos 12 minutos, Nikão cobrou falta e acertou o travessão de Prass. Mas o Vasco acordou e Fágner, roubando bola na área adversária, quase deixou Alecsandro livre para marcar. Os cariocas melhoraram na partida e equilibraram as ações, mas foi a Macaca que saiu na frente. Na ponta esquerda, João Paulo Silva fez grande lançamento para Roger, que dominou e bateu o rasteiro para inaugurar o marcador no São Januário.

Mesmo com o gol sofrido, o Cruz-Maltino chegou ao empate. Felipe recebeu na esquerda após troca de passes e cruzou. Diego Souza furou mas Alecsandro estava lá para marcar o gol da igualdade. Mas os donos da casa sequer conseguiram reagir: aos 27, Renê Junior recebeu no lado direito e rolou para Roger, que chegava na entrada da área. O camisa 9 chegou batendo e voltou a colocar os campinenses em vantagem.

Os anfitriões voltaram a ficar abaixo de seu adversário, muito mais consciente e seguro com a posse de bola. Por sorte, o ritmo um pouco mais comedido dos paulistas na reta final da primeira etapa e já não chegaram com tanta intensidade.

Os cariocas lutam e viram o duelo

A Macaca voltou bem para a segunda etapa, criando algumas chances nos primeiros movimentos. Mas o Vasco também melhorou as chegadas na frente e empatou logo. Alecsandro curtiu uma de ponta direita e cruzou rasteiro. A bola foi fraca, mas mesmo assim Lucas furou e deixou Eder Luis completamente à vontade para dominar e tocar no canto de Bastos.

O jogo equilibrou e ficou mais interessante na segunda etapa, com as duas equipes partindo em busca da vitória. Após cobrança de escanteio, Roger perdeu chance incrível para retomar a vantagem dos visitantes. Aos 31 minutos, William Matheus, que havia entrado bem na partida, foi derrubado na área por Lucas. Fabricio Neves Correia apontou para a marca da cal, Diego Souza se apresentou para a cobrança e virou o jogo para o Cruz-Maltino: 3 a 2.

No final da partida, o Vasco teve algumas oportunidades para surpreender nos contragolpes, mas preferiu segurar a posse de bola e deixar o tempo passar. A Macaca tentou, mas não encontrou forças para ameçar os cariocas.
                    

Relacionados