thumbnail Olá,
Ao Vivo

Campeonato Brasileiro

  • 24 de novembro de 2012
  • • 19:30
  • • Engenhão, Rio de Janeiro
  • Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhaes
  • • Público total: 9416
1
TF
1

Vasco da Gama 1 x 1 Flamengo: Empate no Clássico dos Milhões

Vasco da Gama 1 x 1 Flamengo: Empate no Clássico dos Milhões

O Vasco sai na frente do rival, mas após falha de Fernando Prass, rubro-negro consegue o gol de empate.

Sem maiores pretensões no Campeonato Brasileiro, Vasco da Gama e Flamengo tinham apenas a rivalidade como fator motivador para ambas as equipes em um Clássico dos Milhões de apenas 6 mil torcedores. Mesmo assim, fizeram um jogo tecnicamente fraco, definido em dois lances de bola parada e empataram no Estádio João Havelange por 1 a 1, gols de Nilton e González.

Nilton abre o placar

Aos 9 minutos, Nilton fez falta dura em Cléber Santana na entrada da área do Vasco. Boa oportunidade para o chute de Renato Abreu, mas a bola explodiu na barreira. Já aos 15 minutos, a oportunidade na bola parada é do Vasco, quando Airton derruba Fellipe Bastos. O volante cobrou rasteiro em cima da barreira rubro-negra.

Com 13 minutos, o garoto Marlone tentou drible na marcação e caiu dentro da área pedindo o pênalti, mas o árbitro Wagner Magalhães mandou seguir. O lateral rubro-negro Ramon, ex-Vasco, teve sua chance de abrir o placar aos 28 minutos, quando arriscou o chute de fora da área, mas o goleiro Fernando Prass fez a defesa em dois tempos.

As chances mais claras de gol tanto do Vasco quanto do Flamengo vieram na bola parada. Tanto que, aos 34 minutos, o Vasco abriu o placar em cobrança de falta de longa distância, quando o volante Nilton soltou uma bomba e Paulo Victor aceitou. O time do Flamengo respondeu 6 minutos depois, também em cobrança de falta. Renato Abreu chutou em direção ao gol, a bola desviou na zaga e saiu pela direita do gol de Fernando Prass. Após a cobrança do escanteio, González cabeceou e o goleiro vascaíno fez uma defesa espetacular.

Já aos 44 minutos, mais um lance de bola parada. Renato Abreu, novamente, cobrou falta com chute forte e colocou Fernando Prass para trabalhar.  Um primeiro tempo equilibrado, com 50% de posse de bola cada, mas com um nível técnico muito aquém de um Clássico dos Milhões, o que já era esperado pela má fase dos dois times.

Flamengo empata

O Flamengo voltou para o segundo tempo pressionando o rival. Com 20 minutos, Wellington Silva rolou a bola para trás e Renato Abreu chutou, de primeira, para fora. Aos 27, Adrian cobrou falta na lateral direita e Renato Abreu desviou para fora. Na única finalização do Vasco no segundo tempo, aos 35 minutos, Fellipe Bastos cobrou falta levantada na área e Tenório cabeceou para fora.

O Flamengo se manteve melhor durante toda a segunda etapa. E o time da Gávea foi recompensado aos 42 minutos, em outro lance de bola parada, quando Adrian cobrou escanteio e Fernando Prass, que até então era o melhor jogador em campo, cortou a bola nas costas de González que, sem querer, empatou a partida.

Independente dos resultados da última rodada, o rubro-negro termina o Brasileirão como pior entre os quatro times cariocas da competição. Na próxima e última rodada, o Flamengo enfrenta o Botafogo, no sábado, às 19:30 (horário de Brasília), no Engenhão. Já o Vasco da Gama fecha a temporada contra o campeão Fluminense, no domingo, às 17:00 (horário de Brasília), também no Engenhão.

   
   

Relacionados