thumbnail Olá,
Ao Vivo

Campeonato Brasileiro

  • 19 de maio de 2012
  • • 18:30
  • • Ilha do Retiro, Recife, Pernambuco
  • Árbitro: Paulo Cesar De Oliveira
  • • Público total: 26699
1
TF
1

Sport e Flamengo ficam só no empate pela estréia no Brasileirão

Sport e Flamengo ficam só no empate pela estréia no Brasileirão

Marquinhos Gabriel marcou para os donos da casa e Vagner Love deixou tudo igual para os visitantes

No confronto dos rubro-negros que atravessam fase ruim, após um mau início de temporada, um resultado que não é bom para ninguém. Sport Recife e Flamengo, pela estréia do Brasileirão, empataram em 1 a 1 na Ilha do Retiro, em jogo inciado às 18:30. Marquinhos Gabriel marcou para os donos da casa e Vagner Love empatou o confronto.

Paulo Victor salva o Flamengo por inúmeras vezes e 1º tempo termina empatado

As férias de quase um mês parece que não surtiram muito efeito ao Flamengo. O time carioca teve um primeiro minuto de jogo que sugeria uma atitude diferente em relação à demonstrada no Carioca e na Libertadores - competições em que foi eliminado precocemente -, mas, na realidade, acabou sendo dominado na 1ª etapa. A equipe seguiu demonstrando os erros de sempre e, como de costume quando esteve em atividade neste semestre, quase sofreu um gol de cabeça. Após desatenção da zaga em cobrança de escanteio, Edcarlos subiu livre.

Coube a Paulo Victor evitar essa e outras oportunidades do Sport Recife, que também teve um mau início de ano, dando adeus à Copa do Brasil e perdendo o Pernambucano. O treinador Mazola Júnior, ao contrário do que aconteceu com Joel no Fla, foi demitido, e Vagner Mancini, ex-Cruzeiro, chegou para o seu lugar.

O Leão, porém, se impôs como dono da casa. Apesar da grande afobação na hora de dar seus últimos passes e abrir o placar, os mandantes obrigaram Paulo Victor a fazer, pelo menos, 5 grandes defesas, tornando-se, indiscutivelmente, o nome da partida. Marquinhos Gabriel era quem tinha as melhores chances e mais finalizava.

Do lado dos cariocas, Ronaldinho Gaúcho, apagadíssimo, chegou perto de marcar um golaço, em lance isolado de bola parada (de muito longe). Kleberson, depois uma falta cobrada com velocidade, ficou cara-a-cara com Magrão, mas o arqueiro do Sport também fez sua parte.

Sport sai na frente, mas recua e cede o empate

Em uma segunda etapa iniciada com 3 cartões amarelos em menos de 10 minutos, o Sport foi quem saiu na frente, com um golaço de quem mais tentava converter na partida: Marquinhos Gabriel. O jogador recebeu na área, olhou para o gol e colocou a bola no ângulo com extrema categoria, sem chances para Paulo Victor, destaque do jogo. Antes, o goleiro já havia feito bela defesa após cobrança de falta de Moacir.

A abertura do placar, entretanto, fez os donos da casa mudarem sua postura. O time acabou recuando e permitindo que o adversário chegasse mais à frente. Em uma dessas investidas, Vagner Love recebeu passe de peito de Deivid e mandou, sozinho, por cima do travessão. Na segunda chance que teve não desperdiçou. Depois de passe milimétrico de Kleberson, o Artilheiro do Amor tocou na saída de Magrão e deixou tudo igual na Ilha do Retiro.

Aos 44, quase que Welinton entregou o ouro. Moacir recebeu na área pela direita, tocou para trás e o zagueiro deu uma joelhada na bola., sendo salvo pelo travessão. No final, nada mudou e os dois times tiveram um resultado que não melhorou a vida de nenhum dos lados.

Relacionados