thumbnail Olá,
Ao Vivo

UEFA Champions League

  • 6 de novembro de 2012
  • • 17:45
  • • Veltins-Arena, Gelsenkirchen
  • Árbitro: N. Rizzoli
  • • Público total: 54142
2
TF
2

Schalke 2 x 2 Arsenal: Alemães buscam o empate e mantêm a liderança do grupo

Schalke 2 x 2 Arsenal: Alemães buscam o empate e mantêm a liderança do grupo

Getty Images

Gunners deixam vitória escapar e vêem o Olympiakos empatar em número de pontos

Não era o resultado que o Arsenal precisava, mas ficou de bom tamanho para o Schalke 04. O empate em 2 a 2 entre as duas equipes no Veltins Arena nesta terça-feira não muda muito a estrutura do Grupo B da Champions League. Walcott e Giroud (A), Huntelaar e Farfán (S) marcaram na Alemanha.

No entanto, o Olympiakos, que venceu o Montpellier em casa por 3 a 1, encostou no Arsenal em número de pontos (seis) e entra na briga por uma das vagas. O Schalke chega a oito e se mantém na ponta da chave.

Brilho, e apagão, azul real

Não demorou muito para os velhos problemas defensivos do Arsenal ficarem bem evidentes. Recuado em campo, o time de Arsene Wenger cedeu muito terreno para o Schalke avançar e estabelecer um relativo domínio nos momentos iniciais da partida. Por sorte, o Schalke abusava dos cruzamentos errados e facilitava a vida da defesa inglesa, que tirava tudo pelo alto.

Quando a bola veio pelo chão, no entanto, a situação melhorou: aos oito, Afellay testou Manonne pela primeira vez com um tiro de média distância, defendido em dois tempos. Depois, Howedes subiu em cobrança de escanteio e mandou a bola muito perto de uma das traves.

Aos poucos, o time visitante se soltou, conseguindo uma improvável abertura do placar aos 18 minutos. Matip errou ao dividir bola pelo alto com Giroud e deixou o francês com o caminho livre para o gol. Ele se recupera e faz o desarme, mas a bola sobra com Walcott, que só coloca a bola no fundo do gol vazio.

O gol abalou os alemães, abrindo caminho para o segundo tento gunner: Podolski fez jogada sobre Uchida na esquerda e cruzou para Giroud, completamente sem marcação, mergulhar e fazer 2 a 0.

Levou cerca de dez minutos para o Azul-Real reagir: Farfán chutou com muito perigo aos 39 minutos, numa prévia do gol que aconteceria um pouco mais tarde. O meia Wilhsere errou na saída de jogo e deu um contragolpe de bandeja para o time da casa. Jones tocou para Holtby, que já entregou para Huntelaar bater cruzado e mandar a bola no cantinho de Manonne.

A liderança fica em Gelsenkirchen

Parece que o Arsenal esqueceu de todos os acertos que teve em algum lugar entre o gramado e os vestiários da Veltins Arena. Displicente, o time inglês continuou cedendo terreno para o Schalke, que já vinha forte em busca do empate. Aos cinco minutos, Holtby achou Huntelaar na cara do gol, mas Mannone acabou fazendo grande defesa.

O domínio do Schalke continuou numa crescente, e Hoger colocou uma bola na trave quase aos quinze minutos, após bola levantada na área. Houve tempo para reclamações de um toque de mão de Wilshere no lance, mas o juiz acabou não dando importância.

Sem jamais se desesperar, os alemães conquistaram o tão sonhado empate através de Farfán. Em novo cruzamento vindo da esquerda, Huntelaar subiu e não achou nada, mas Farfán teve calma para dominar a bola e bater firme, vendo a bola bater em Koscielny e morrer no fundo do gol.

Até o final da partida, tanto Gunners quanto o Schalke tiveram boas contruções anuladas pela posição irregular de seus atacantes: primeiro, com Walcott, que colocou uma bola na trave, e depois Huntelaar mandou por cima do gol de cabeça. No lance derradeiro da partida, por pouco Walcott não conseguiu roubar a vitória após bobeira de Howedes, mas Unerstall acabou indo muito bem no lance.

Relacionados