thumbnail Olá,
Ao Vivo

Copa Libertadores da América

  • 7 de março de 2012
  • • 19:45
  • • Vila Belmiro, Santos, São Paulo
  • Árbitro: Evandro Rogério Román
3
TF
1

Com show de Neymar, Santos bate Inter

Com show de Neymar, Santos bate Inter

Ivan Sartori/Santos FC

Joia marcou os três gols santistas, sendo dois golaços

Se Messi brilhou pelo Barça na Champions League, Neymar não ficou atrás pelo Santos na Libertadores. A joia santista marcou os três gols da vitória de 3 a 1 sobre o Internacional, dois deles em lances individuais incríveis, passando por vários defensores colorados.

O Santos começou o jogo pressionando fortemente o Internacional, avançando sua marcação e envolvendo o sistema defensivo colorado com muita movimentação de suas peças, que confundiam a defesa colorada.

A pressão inicial resultou no gol de abertura do marcador, marcado em um pênalti polêmico. Borges recebeu na área e, após disputa com Índio, caiu. O árbitro marcou a penalidade, que Neymar bateu no canto direito de Muriel para fazer 1 a 0, aos 19 minutos.

O Internacional saiu um pouco mais para o jogo depois de sofrer o gol, mas não tinha nenhuma profundidade na construção das jogadas. O Santos, por sua vez, desarmava a equipe colorada com frequência e disparava em lances de alta velocidade, sempre ameaçando o gol de Muriel.

Com 10 minutos de segundo tempo, Neymar fez a primeira de suas pinturas na partida. O atacante dominou a bola no meio-campo e veio carregando a bola, driblando vários marcadores até chegar na área e dar um toque de pé esquerdo para vencer Muriel e fazer 2 a 0.

O Internacional só foi esboçar uma reação aos 19 minutos, quando Oscar recebeu lançamento de Kleber pelo lado esquerdo e rolou para Damião, que só teve o trabalho de empurrar para o gol vazio, diminuindo a vantagem santista.

Só que apenas um minuto depois, Neymar voltou a brilhar. O jovem mais uma vez arrancou desde o meio-campo, passando por dois marcadores e abrindo caminho para correr com a bola até a área e finalizar alto, com o pé esquerdo, na saída de Muriel. Santos 3 a 1.

Depois dos dois golaços de Neymar, o Inter tentou tomar a iniciativa do jogo e buscou criar jogadas diante de um Santos competente na marcação, enquanto o time de Muricy Ramalho administrou bem sua vantagem e ainda contou com mais jogadas brilhantes de seus talentos individuais para seguir ameaçando o gol colorado.

Relacionados