thumbnail Olá,
Ao Vivo

Copa Libertadores da América

  • 12 de fevereiro de 2014
  • • 22:00
  • • Estadio León (Nou Camp), León de los Aldamas
  • Árbitro: H. Buitrago
2
TF
1

Leon 2 x 1 Flamengo: Com um a menos, Fla sai derrotado na estreia

Leon 2 x 1 Flamengo: Com um a menos, Fla sai derrotado na estreia

Alexandre Vidal - Divulgação Flamengo

Amaral foi expulso aos 12 minutos e complicou a vida do Flamengo, que ainda conseguiu o empate, sem segurar a pressão até o final.

A expectativa da torcida era boa para uma nova disputa pela Copa Libertadores, mas a primeira impressão não foi das melhores. Jogando com um homem a menos durante quase toda a partida, o Flamengo não foi capaz de segurar a pressão do Leon e saiu derrotado hoje, no Estádio Nou Camp, por 2 a 1. Boselli, em pênalti duvidoso e Arizala marcaram para os donos da casa, enquanto que Cáceres descontou para o time brasileiro.

Com uma leve altitude e muito esforço para cobrir os espaços, o Flamengo teve problemas na parte física, principalmente na segunda etapa, e viu seus jogadores mais criativos cansarem, falhando na armação. A equipe ainda botou duas bolas na trave, mas todas em lance de cruzamento na área, jogada amplamente utilizada nesta noite.

O jogo

Jayme de Almeida preparou uma formação diferente na estreia da Libertadores fora de casa. O treinador sacou Paulinho no ataque e colocou o armador Lucas Mugni, deixando Elano mais aberto na direita. O início foi promissor, com o Fla tendo uma grande chance de abrir o placar aos seis minutos. Após jogada de Everton pela esquerda, Hernane subiu bonito e acertou o travessão.

Apesar disso, o esquema foi desfeito por uma imprudência de Amaral. O volante chegou com muita força na dividida com Montes e deixou o pé no jogador, comentendo um pisão desnecessário. O árbitro não pensou duas vezes e puxou o cartão vermelho do bolso, deixando o Flamengo com um jogador a menos em campo. Jayme preferiu não mexer e recuou seu quarteto ofensivo, com o argentino Mugni jogando praticamente de volante.

Leon abre o placar com um jogador a mais, mas Fla consegue empate

A partir desse momento, o Leon tomou conta da partida e o gol saiu com naturalidade. Após Felipe precisar intervir em belo chute de Hernández, o time mexicano bateu o escanteio na área e a bola sobrou para González. O zagueiro tentou finalizar, mas dividiu com Hernane e caiu, ganhando um pênalti duvidoso. Com 32 minutos, Boselli cobrou com muita categoria e marcou o primeiro do jogo.

Sem muitas jogadas de armação, o Flamengo começou a abusar das jogadas na área, principalmente em jogadas de bola parada. O Leon dominou a partida, sem conseguir acertar a finalização. Segurando o 1 a 0, o rubro-negro foi premiado com um gol no final da primeira etapa. Após falta cobrada na área, Cáceres subiu livre e cabeceou bonito para o gol. O árbitro ameaçou anular o gol, mas logo se retratou e confirmou o empate no intervalo.

Ainda sem alterações na volta para o segundo tempo, Jayme de Almeida viu Felipe realizar grande intervenção aos quatro minutos, quando Loboa tirou Éverton da jogada e chutou na gaveta para a bela defesa do camisa 1.

Porém, aos 14 minutos, a chance de desempatar o jogo foi mais clara. Arizala recebeu dentro da área, ganhou de André Santos e foi derrubado pelo lateral, dessa vez em jogada clara. Novamente Boselli foi para a cobrança e bateu com imprudência, tentando uma cavadinha arriscada. O goleiro Felipe estava esperto e atrasou a queda, espalmando a bola.

Leon confirma a vitória na etapa complementar

O Flamengo ainda colocou nova bola na trave aos 18 minutos, quando Cáceres, em jogada na área, venceu a marcação e desviou levemente para o gol. No entanto, cinco minutos depois, o Leon encontrou o gol da vitória. Após cobrança de escanteio, quatro jogadores subiram para disputar a bola e ela ficou nos pés de Arizala. O jogador, que entrou no decorrer do primeiro tempo, conseguiu proteger contra a defesa e bateu com precisã o no ângulo, sem chances para Felipe.

Até o final do jogo, novas chances foram criadas, a maioria pelo lado do Leon. Felipe realizou boas defesas e evitou um placar maior, mas nem as entradas de Paulinho e Alecsandro deram a força suficiente para uma reação do Flamengo. Sem ter o que fazer, a equipe apenas viu o árbitro José Buitrago apitar pela última vez e confirmar a derrota da equipe na estreia.

FICHA TÉCNICA

LEON 2 X 1 FLAMENGO

LEON: Yarbrough, Magallón, Rafa Márquez, Nacho González (Arizala) e Edwin Hernandez;, Peña, Vazquéz e Loboa (Navarro); Montes, Boselli e Britos. Técnico: Gustavo Matosas.

FLAMENGO: Felipe, Léo Moura, Wallace, Samir e André Santos; Amaral, Cáceres, Elano (Muralha), Everton (Paulinho) e Mugni (Alecsandro); Hernane. Técnico: Jayme de Almeida.

Local: Estadio León - Nou Camp (León de los Aldamas/MEX)
Data/Horário: 12/02/2014, às 22h
Árbitro: José Hernando Buitrago (FIFA/COL)

Cartões Amarelos: González (37'), Mugni (45'), André Santos (48') e Cáceres (90')
Cartões Vermelhos: Amaral (12')
Gols: Boselli (32'), Cáceres (45') e Arizala (68')
 

Relacionados