thumbnail Olá,
Ao Vivo

Copa Libertadores da América

  • 8 de maio de 2013
  • • 22:00
  • • São Januário, Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
  • Árbitro: V. Carrillo
2
TF
0

Fluminense vence por agregado 3 - 2

Fluminense 2 x 0 Emelec: Tricolor não joga bem, mas vence com gol de Fred

Fluminense 2 x 0 Emelec: Tricolor não joga bem, mas vence com gol de Fred

Getty Images

Carlinhos, que foi o maior destaque do jogo, marcou o segundo gol da equipe carioca

O Fluminense ainda não mostrou o futebol de campeão brasileiro, mas conseguiu passar para as quartas-de-final da Copa Libertadores. A equipe venceu o Emelec por 2 a 0, gols de Fred e Carlinhos, e passou de fase.

Com a vitória, e a classificação, o Fluminense espera o vencedor da disputa entre Olímpia e Tigre, que venceu o primeiro jogo por 2 a 1.

Flu cria pouco, mas Fred brilha

Já nos primeiro segundos de jogo era possível identificar o posicionamento e a atitude de cada equipe. Enquanto Fluminense tocava a bola e buscava um espaço, o Emelec era todo defensivo e buscava as jogadas rápidas de contra-ataque.

No entanto, o Flu errava muitos passes na saída e quase se complicou. Aos 14 minutos, Valencia puxou contra-ataque, encontrou De Jesús livra na área e viu Cavalieri espalmar chute do companheiro. Aos 21, Valencia ficou na cara do goleiro e também desperdiçou.

Aos 29, o Fluminense abriu o placar, mesmo não jogando bem. Jean cobrou falta na pequena área e o sempre oportunista Fred fez de cabeça. Após o gol, o jogo perdeu ritmo e nenhuma das duas equipes voltou a criar alguma chance clara.

Passando sufoco

Depois do intervalo, o Emelec voltou em outro ritmo e partiu para cima do Fluminense, que não conseguia sair do campo defensivo. Porém, a equipe equatoriana sofria com a falta de qualidade dos jogadores ofensivos. Aos 50 minutos, Quiñónez fez boa jogada pela direita, cruzou e Digão tirou do atacante De Jesús.

Com o passar dos minutos, o jogo perdeu o ritmo e os dois times erravam demais. Até que o Emelec perdeu a cabeça. Aos 77, Achillier deu um tapa no rosto de Wágner, levou o segundo amarelo e foi expulso. Mesmo caminho levou Quiñónez, também por dois cartões.

Aos 85, o Flu garantiu a vaga. Em contra-ataque, Rhayner puxou pela direita, cruzou rasteiro e Carlinhos, que fez grande partida, marcou sem marcação. Final de jogo, 2 a 0 e vitória do Flu.

Relacionados