thumbnail Olá,
Ao Vivo

Brasileirão Série A

  • 15 de setembro de 2012
  • • 18:30
  • • Estádio Municipal General Raulino de Oliveira, Volta Redonda, Rio de Janeiro
  • Árbitro: Márcio Chagas da Silva
  • • Público total: 8269
1
TF
2

Fluminense 1 x 2 Atlético-GO: Líder tropeça em casa diante do lanterna e perde sua segunda partida no Brasileirão

Fluminense 1 x 2 Atlético-GO: Líder tropeça em casa diante do lanterna e perde sua segunda partida no Brasileirão

Divulgação

Tricolor das Laranjeiras lamenta o ruim primeiro tempo em Volta Redonda

Neste sábado, o Fluminense tropeçou diante do Atlético-GO por 2 a 1, em Volta Redonda. Diego Giaretta e Reniê fizeram aos goianos e Michael descontou para os cariocas. O resultado surpreendente coloca em risco a liderança do Flu que permanece com 53 pontos e agora terá que esperar por um tropeço do Atlético-MG neste domingo. Já ao Dragão, a vitória o deixa com 20 pontos e ainda com esperanças de não cair à Série B.

O DRAGÃO VIROU ZEBRA


A partida demorou a começar devido a queda de energia, mas a luz voltou e não iluminou o Fluminense. O primeiro tempo foi trágico ao líder, apesar de ter mais posse de bola, não conseguia criar as chances. Sem Fred, Deco e Wágner, a equipe de Abel Braga dependia de chutes de fora da área principalmente de Thiago Neves.

Já o Atlético-GO fez uma bela etapa, pois segurou o ímpeto Tricolor e foi letal quando atacou. Aos 18 minutos, após cobrança de falta ensaiada, Diego Giaretta mandou uma bomba no ângulo sem chances de defesa e abriu o placar.

O time carioca tentou dar respostas e igualar a partida, mas sem sucesso. A situação piorou e os donos da casa levaram mais um antes de terminar o primeiro tempo. Aos 42 minutos, Reniê aproveitou cobrança de escanteio e de longe cabeceou, encobriu Diego Cavalieri e aumentou a diferença para 2 a 0.

O FLU REAGE NA SEGUNDA ETAPA

Abel Braga fez mudanças na equipe e colocou os garotos. Rafael Sóbis se machucou no início da segunda etapa e foi substituido por Michael. A pressão do Fluminense sobre o Dragão só aumentava na tentativa de buscar a desvantagem.

Depois de forte volume de jogo e dos visitantes se defenderem, a insistência tricolor foi premiada com um gol. Em cobrança de escanteio, Jean chutou, a bola pegou em Marcos e sobrou para Michael descontar o placar aos 19 minutos.

MÁRCIO: O NOME DO JOGO

A partir daí o "massacre" carioca aumentou com bolas na trave, chutes de fora da área, mas interceptados por Márcio. O Flu se lançou todo ao ataque e desorganizado, tentava o gol de empate.

Os goianos procuraram de todas as maneiras segurar o líder e conseguiu com substituições, catimbas e bolas "prendidas" no campo de ataque.  No fim, Márcio se consagrou como o heroi do triunfo depois de fazer uma grande defesa na bicicleta de Michael aos 47 do segundo tempo e garantir a vitória importante do Dragão para sair da zona de rebaixamento.

Ao Tricolor das Laranjeiras, restou lamentação principalmente pelo péssimo primeiro tempo e com isso, a equipe perde a sua segunda partida no Brasileirão e espera a rodada deste domingo para saber se continua ou não na liderança.

Relacionados