thumbnail Olá,
Ao Vivo

Brasileirão Série A

  • 6 de julho de 2011
  • • 19:30
  • • Estádio Joaquim Henrique Nogueira, Sete Lagoas, Minas Gerais
  • Árbitro: Wilson Luiz Seneme
  • • Público total: 10652
2
TF
0

Montillo volta a decidir e Cruzeiro vence o Grêmio

Montillo volta a decidir e Cruzeiro vence o Grêmio

Montillo, meia-armador do Cruzeiro (Crédito: Washington Alves/VIPCOMM)

Argentino marcou duas vezes e garantiu o terceiro triunfo seguido da Raposa no Brasileirão. Joel Santana segue 100%

Se o Cruzeiro é outro sob o comando de Joel Santana, o argentino Montillo tem grande parcela de contribuição na recuperação da Raposa neste Campeonato Brasileiro. Nesta quarta, o camisa 10 celeste marcou os dois gols do triunfo do Cruzeiro por 2 a 0, diante do Grêmio, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas.

Com o novo triunfo - o terceiro seguido -, o Cruzeiro foi aos 12 pontos e se aproxima do G4. Já o Grêmio, que teve as estreias do técnico Julinho Camargo e do volante pentacampeão do Mundo Gilberto Silva, completou quatro partidas sem saber o que é vencer, segue com oito pontos e ainda vê a zona do descenso próxima.

PRÓXIMOS COMPROMISSOS:

O Cruzeiro volta a atuar neste Campeonato Brasileiro no próximo sábado (9), quando terá como adversário o São Paulo, no Morumbi, às 18h30. Já o Grêmio, no dia seguinte, recebe o Coritiba, no Olímpico, às 16h.

O JOGO:

O equilíbrio marcou o início do confronto entre Cruzeiro e Grêmio. A Raposa apostava na velocidade de Wallyson e nos sempre perigosos cruzamentos de Montillo. Já o Grêmio não se intimidou com o mando de campo cruzeirense e ensaiou uma pressão: Escudero e Neuton pela esquerda, assim como o jovem Leandro imprimiram um bom ritmo nos minutos iniciais.

Graças a tal equilíbrio, as chances de gol foram escassas. Aos oito minutos, o Grêmio quase marcou. Escudero fez cruzamento e Neuton, como um elemento surpresa, de cabeça, quase marcou. A bola passou à esquerda de Fábio. Refeito do susto, a Raposa tomou as rédeas do jogo. Wallyson, aos 17 minutos, aplicou belo drible

MONTILLO! SEMPRE ELE

Eis que o talento tirou o zero do placar. Aos 26 minutos, Fabrício recebeu pela direita e fez cruzamento preciso para Montillo, que sem marcação, nem esperou a bola quicar e finalizou sem chances para Marcelo Grohe. Cruzeiro 1 a 0 e quinto gol de Montillo no Campeonato Brasileiro.

Além do prejuízo de sair atrás no placar, o Grêmio ainda se perdeu em campo. Marquinhos não fazia o que dele se esperava e com isso, Escudero ficou sobrecarregado na armação. Já André Lima, isolado no ataque, quase não viu a cor da bola na primeira etapa, uma vez que Leandro - seu companheiro de setor - foi muito bem marcado. Foi graças a pífia atuação do Grêmio, que o Cruzeiro não teve de se esforçar para ir para o intervalo com a vitória.

SEGUNDO TEMPO:

O Grêmio voltou para a segunda etapa disposto a mudar a panorama visto no primeiro tempo. Julinho Camargo adiantou a marcação do Tricolor e com isso, a pressão foi gaúcha.

MONTILLO, O ARTILHEIRO

No entanto, o castelo gremista desmoronou logo aos sete minutos. O atento Wallyson roubou a bola de Fábio Rochemback e serviu Montillo, que mais uma vez fez o que quis. O camisa 10 da Raposa recebeu e, sem marcação, finalizou sem qualquer chance de defesa para Grohe. Cruzeiro 2 a 0 e artilharia do Campeonato Brasileiro para ele.

O segundo gol do Cruzeiro e a inoperância dos seus armadores foi a gota d'água para Julinho Camargo. Marquinhos e Escudero deixaram o campo para as entradas de Pessalli e Miralles, respectivamente.

Se a intenção foi boa, o resultado não foi dos melhores. Após Marcelo Grohe e Saimon não se entenderem, Wallyson chegou atrasado e por pouco não ampliou. O Grêmio só foi levar perigo ao gol aos 38 minutos. Após cruzamento na pequena área, Leandro finalizou cara a cara com o camisa 1 do Cruzeiro, que evitou o primeiro gol gaúcho.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 2 x 0 GRÊMIO

Data/Horário: 6/7/2011 às 19h30 (horário de Brasília)
Local: Arena do Jacaré, Sete Lagoas (MG)
Árbitro: Wilson Luiz Seneme (FIFA/SP)
Auxiliares: Emerson Augusto Carvalho (FIFA/SP) e Alessandro Rocha de Matos (FIFA/BA)
Renda/Público: R$ 175.335,00 - 10.652 pagantes

Cartões amarelos: Leandro Guerreiro (CRU); Saimon (GRE)
Cartões vermelhos: Não houve.

Gols: Montillo, aos 26'1T(1-0); Montillo, aos 9'2T(2-0)

CRUZEIRO: Fábio; Vitor, Gil, Naldo e Diego Renan (Everton, aos 22'1T); Leandro Guerreiro, Fabrício, Marquinhos Paraná e Montillo; Wallyson (Ortigoza, aos 38'2T) e Thiago Ribeiro (Roger, aos 24'2T). Técnico: Joel Santana.



Relacionados