thumbnail Olá,
Ao Vivo

Jogos Olímpicos

  • 1 de agosto de 2012
  • • 10:30
  • • St. James' Park, Newcastle-upon-Tyne
  • Árbitro: B. Gassama
  • • Público total: 25201
3
TF
0

Brasil 3 x 0 Nova Zelândia: Seleção encerra fase de grupos de forma incontestável

Brasil 3 x 0 Nova Zelândia: Seleção encerra fase de grupos de forma incontestável

getty images

Danilo, Damião e Sandro anotaram os gols sobre a equipe da Oceania

Agora sim, sem sustos. Na partida que encerrou a fase de grupos dos Jogos Olímpicos 2012, a Seleção brasileira se deu ao luxo de poupar alguns jogadores e, mesmo assim, bateu a Nova Zelândia por 3 a 0, gols de Danilo, Leandro Damião e Sandro. Jogando na meia, o lateral Alex Sandro acabou expulso no segundo tempo.

Como o Egito venceu a Bielorrússia por 3 a 1, na outra partida do Grupo C, ficou com a segunda colocação e irá pegar o primeiro colocado no Grupo D. Japão e Honduras disputam a liderança da chave, com Marrocos tendo chances remotas de terminar com a última vaga e ser o adversário brasileiro.

Pista livre

O caminho se mostrou relativamente fácil para o Brasil a partir dos primeiros minutos: Marcelo teve um gol bem anulado após jogada de Neymar, enquanto o próprio camisa 11 também finalizou com perigo após triangulação envolvendo Lucas. Mas foi justamente quando o adversário cresceu que o placar foi inaugurado: jogando de volante, Danilo apanhou bola na frente da área e tabelou com Damião, saindo na cara de O'Keefe e tocando para fazer 1 a 0.

Nem deu tempo para os All Whites respirarem: três minutos mais tarde, Alex Sandro e Marcelo tabelaram pelo flanco esquerdo e o ex-santista cruzou rasteiro. Damião se antecipou à zaga e só rolou a bola para o gol vazio. O time de Mano Menezes continuou superior na partida, mas não chegou a ampliar antes do intervalo.

'Descanso' merecido

A Seleção seguiu com o mesmo ritmo no início da segunda etapa, e o terceiro gol não tardou a sair: aos 6 minutos, Marcelo cobrou falta do flanco esquerdo, a bola passou por todo mundo e Sandro chegou batendo na segunda trave para fazer o 3 a 0. Neymar teve uma boa chance ao girar sobre a marcação na sequência, e enfim a Nova Zelândia chegou perto com Wood, cabeceando após cobrança de escanteio.

Neymar teve a mehor chance para ampliar, mas acabou desperdiçando um gol inacreditável, após cruzamento de Rafael que lhe deixou com o gol aberto. Diminuindo o ritmo, o time verde-e-amarelo teve um problema a partir dos 30 minutos, já que Alex Sandro recebeu o segundo amarelo e foi para a rua. Os Whites tentaram apertar em busca do gol de honra, e Smeltz, quase nos acréscimos, perdeu a melhor chance do jogo para a Nova Zelândia.
    

Relacionados