thumbnail Olá,
Ao Vivo

Sul-Americano Sub20

  • 10 de janeiro de 2013
  • • 21:00
  • • Estadio San Juan del Bicentenario, San Juan, Provincia de San Juan
  • Árbitro: H. Buitrago
1
TF
1

Brasil 1 x 1 Equador: Seleção estreia com amargo empate no Sul-Americano Sub-20

Brasil 1 x 1 Equador: Seleção estreia com amargo empate no Sul-Americano Sub-20

Getty Images

Brasil começa perdendo, mas conta com gol contra equatoriano para levar empate

Nesta quinta-feira, o Brasil empatou com o Equador por 1 a 1 na sua estreia no Sul-Americano Sub-20. Os gols da partida realizada em San Juan, na Argentina, foram marcados por equatorianos. Miguel Parrales, a favor, e Fernando León, contra, o que ajudou aos brasileiros.

As duas seleções ficam com apenas um ponto no grupo B que tem também Venezuela, Peru e Uruguai.


EQUADOR SURPREENDE E ABRE O PLACAR


A partida começou com um time equatoriano atirado para o ataque, enquanto parecia que os brasileiros estavam sentindo o peso da estreia.

O Equador assustou no começo logo aos quatro minutos após chute do meio-campo de José Cevallos à meta do gol de Luiz Gustavo, porém a bola foi pra fora.

Não demorou muito e duas chances foram criadas por Jacob Murillo. A primeira aos 10 após cobrança de falta e cabeçada que raspou a trave. Logo depois, um chute perigoso, mas sem sucesso.

O Brasil só chegou aos 13 com Mattheus, filho de Bebeto, com um bom chute fazendo Darwin Cuero espalmar errado, mas por sorte dos equatorianos, Felipe Anderson não aproveita o rebote.

O time de Edmilson Ávila demonstrava sinais de evolução no jogo com uma bola na trave de Ademílson na marca dos 27. Entretanto, dois minutos depois veio o castigo. Miguel Parrales foi mais esperto que a zaga canarinho e, de peixinho, mandou para o fundo do gol, 1 a 0.


BRASIL NÃO SE ASSUSTA E CONTA COM EQUATORIANO 'MUY AMIGO'

Apesar do tento sofrido, a Seleção Brasileira continuou indo para cima e quase conseguiu a resposta de imediato. Adryan fez boa jogada, driblou e chutou para o gol, o arqueiro deu rebote, porém Marcos Júnior não aproveitou a sobra na marca dos 32 minutos.

Enquanto isso, o Equador ameaçou novamente com Cevallos em chute de longe, desta vez a bola bateu na trave para a sorte brasileira.

Mattheus foi no primeiro tempo uma das principais válvulas de escape do atual campeão do torneio. O jogador do Flamengo se movimentou bem e participou ativamente das jogadas brasileiras e foi com ele que o Brasil empatou. Após chute e outro rebote de Darwin Cuero, o zagueiro equatoriano Fernando León mandou contra o próprio patrimônio e marcou gol de empate aos 39 minutos.

Alívio para o time verde e amarelo que conseguiu a igualdade antes do fim do primeiro tempo em San Juan.


JOGO CAI DE PRODUÇÃO E EQUIPES SUSTENTAM EMPATE

O segundo tempo foi fraco tecnicamente. Com um jogo bastante "amarrado", ambas as equipes pouco produziram e o duelo ficou com cara de empate.

Tanto Brasil como Equador erraram vários passes na etapa final, o que contribuiu para o futebol ruim visto pela torcida.

Os brasileiros tiveram uma boa chance aos 15 minutos com Luan, mas o atleta mandou cabeceio por cima do gol.

Enquanto isso, se Mattheus foi destaque no primeiro tempo, Adryan mostrou seu bom futebol no segundo e teve uma grande oportunidade de virar o jogo, porém após cruzamento de Fred, o flamenguista cabeceou a bola pra fora para lamentação geral da equipe e da torcida aos 31 da segunda etapa.

No minuto seguinte, o botafoguense Doria também teve a sua tentativa ao emendar uma pancada que assustou ao goleiro equatoriano, mas a bola saiu pela linha de fundo.

A última do time brasileiro foi com Fred, mas o chute saiu mal pra fora. O empate entre as duas equipes foi justo pelo o que produziram positivamente no primeiro tempo e pelo ruim desempenho na etapa final.

O Brasil enfrenta na próxima rodada o Uruguai, no clássico sul-americano, já o Equador encara a Venezuela.


Relacionados