thumbnail Olá,
Ao Vivo

Copa del Rey

  • 16 de janeiro de 2013
  • • 18:30
  • • Camp Nou, Barcelona
  • Árbitro: José Luis González González
  • • Público total: 55151
2
TF
2

Barcelona 2 x 2 Malaga: Em casa, Barça tropeça e leva empate no último minuto

Barcelona 2 x 2 Malaga: Em casa, Barça tropeça e leva empate no último minuto

Getty Images

Gol dos visitantes saiu aos 45 minutos do segundo tempo

Nesta quarta-feira, o Barcelona tropeçou e empatou com o Malaga em casa por 2 a 2 pela partida de ida das quartas-de-final da Copa do Rei. Messi e Puyol marcaram para o time catalão, já Iturra e Camacho fizeram aos visitantes.

Os dois times voltam a se enfrentar na partida de volta da competição. Quem vencer se classifica para a próxima fase e enfrentará o vencedor de Real Madrid e Valencia nas semifinais.

Malaga surpreende e abre o placar


No começo, o Barça impôs seu ritmo como normalmente faz com seus adversários. Messi iniciou bem o duelo e nos três primeiros ataques culés, a bola passou sempre pelos pés do argentino, principalmente aos 19 minutos em que o melhor do mundo recebeu de Iniesta e mandou perigosamente ao gol de Kanemi, porém o Malaga se salvou.

O Barcelona tinha total domínio da partida. O gol amadurecia, porém não foi isso o que aconteceu. Pior, Thiago Alcântara deu um grande presente aos visitantes. Na marca de 26 minutos, o brasileiro naturalizado espanhol recebeu bola do goleiro Pinto, mas cochilou no lance e Iturra aproveitou para marcar o gol do Malaga, 1 a 0.

Barça devolve na mesma moeda e com direito a virada relâmpago

O gol poderia deixar o Malaga mais tranquilo para encarar os donos da casa. Entretanto, não deu nem tempo de cair a ficha da vitória parcial, pois houve uma troca de gentileza. Aos 29, Welington dominou a bola errado na esquerda de sua defesa e Messi roubou, avançou e, facilmente, marcou o empate.

A igualdade não bastou à equipe de Tito Vilanova e a virada veio logo em seguida, aos 30 minutos com Puyol. O zagueiro aproveitou cobrança de escanteio e cabeceou bonito para o gol.

A vantagem apertada não traduziu a superioridade do Barcelona na partida, mas o primeiro tempo terminou em 2 a 1.


O improvável acontece no Camp Nou

O segundo tempo continuou no mesmo ritmo. O Barça controlava o jogo à sua maneira conhecida com toques de bola e penetrações na pequena área.

Entretanto na medida em que o tempo passava, o time catalão se acomodava e passava a impressão de que o placar de 2 a 1 seria o suficiente. Enquanto o Malaga também pouco se arriscava para não levar o checkmate.

Aos 13 da etapa final, Messi ainda mandou um chute perigoso, mas Kameni pegou de forma estranha e afastou o perigo.

O jogo se arrastava no Camp Nou e ficou a afeição do Barça. Para melhorar a situação, os culés ficaram com um a mais após expulsão de Monreal na marca de 33 minutos.

Xavi ainda teve a chance de definir o duelo ao chutar para o gol, mas a bola saiu perigosamente perto da meta.

Quarenta e cinco minutos: o juiz já apontava os três de acréscimo, jogo quase definido com a vitória da equipe de Messi, porém aquela velha máxima do futebol de "quem não faz, leva" foi escrita novamente. Em cobrança de falta dos visitantes, Camacho aproveitou bobeada da zaga para fuzilar o gol de Pinto e decretar o empate surpreendente de 2 a 2.

A igualdade deixou os jogadores do Barça incrédulos e nada podiam fazer. O juiz encerrou a partida aos 48 minutos e o Malaga conseguiu um grande resultado para o confronto da volta que vale vaga nas semifinais da Copa do Rei.


Relacionados