thumbnail Olá,
Ao Vivo

Copa Libertadores da América

  • 26 de fevereiro de 2014
  • • 22:00
  • • Estádio Raimundo Sampaio, Belo Horizonte, Minas Gerais
  • Árbitro: Daniel Fedorczuk
2
TF
1

Atlético-MG 2 x 1 Santa Fé: Galo vence de virada no Horto

Atlético-MG 2 x 1 Santa Fé: Galo vence de virada no Horto

Getty Images

Atlético Mineiro pressiona, toma gol, mas vira a partida em cima do Independente de Santa Fé no final

Na noite desta quarta feira, o Atlético Mineiro conquistou sua segunda vitória na Taça Libertadores, em jogo válido pelo grupo quatro. Jogando no Independência, a torcida empurrou o time que saiu atrás do marcador e continua 100% no campeonato.

O jogo

O primeiro tempo foi muito movimentado no Estádio Independência. O Atlético Mineiro começou bem a partida e foi para cima do Santa Fé. O time colombiano se fechou bem e se arriscava apenas nos contra ataques.

Logo aos 7 minutos Ronaldinho Gaúcho lançou Jô que de cabeça tocou para Diego Tardelli. O atacante dominou a bola de frente para o gol e arriscou o chute. A bola passou raspando na trave esquerda do goleiro Vargas, levando muito perigo.

Aos 25 minutos, a chance mais clara do primeiro tempo. Depois do cruzamento de Ronaldinho Gaúcho Otamendi subiu mais alto que Meza acertando uma bela cabeçada. No entanto, o goleiro Vargas praticou uma bela defesa a queima roupa.

Aos 45 minutos, em uma jogada no campo de ataque, o centro avante Medina acertou uma cotovelada em Otamendi e foi expulso pelo árbitro Daniel Fedorczuk.

Segundo Tempo

Com um jogador a mais na partida o Atlético Mineiro começou o segundo tempo pressionando o Santa Fé. O time colombiano tentava se fechar fazendo duas linhas de quatro e se arriscava no contra-ataque.

No entanto, apesar da pressão e de algumas boas oportunidades no inicio da segundo etapa o Atlético saiu atrás no marcador. Omar Pérez recebeu na ponta esquerda e arriscou o chute. A bola fez ainda uma curva antes de entrar no canto esquerdo de Victor que nada pode fazer.

A alegria do Santa Fé durou apenas dois minutos. Guilherme que havia acabado de entrar, em uma bela assistência, descobriu Jô na grande área. O centro avante girou em cima da marcação e finalizou de perna direita para empatar a partida.

A partir daí o jogo se transformou em ataque contra defesa. Empurrado pela torcida, o Galo chegou à virada no final do jogo. Aos 42 minutos, Neto Berola aproveitou um lateral cobrado por Marcos Rocha e de voleio mandou para o fundo da rede, fechando o placar da partida.

 

 

Relacionados